PENSANDO NAS OCASIÕES E NOS CUSTOS

No trabalho menos é mais. Menos informação, menos cores e estampas; assim, mais chances de estar bem vestida. Aposte em tons neutros ou escolha uma peça para ser o ponto de cor da produção. Estar bem vestida no trabalho significa estar adaptada às suas exigências de trajes e sentir-se confortável com o melhor para você dentro das possibilidades. A combinação de calça, camisa e blazer é um clássico sem chance de erro e para deixar o visual com a sua cara, invista em acessórios.

Para o dia a dia você não precisa seguir à risca nenhuma regra ou dress code especial e está livre para escolher o que usar, apenas fique atenta para as peças que valorizam seus pontos fortes. O mais importante também é conforto e praticidade. Abuse de sapatos com pouco salto, tecidos macios, modelagens mais fluidas, jeans e camisetas. Se quiser dar um toque a mais de sofisticação, conte com acessórios ou tecidos mais refinados.

Imagem: reprodução da internet e sapatilha da Chara Rial

Imagem: reprodução da internet e sapatilha da Chara Rial

Para ficar elegante apele para o blazer. A variedade de cores, estampas, cortes, modelagens e tecidos disponíveis é extensa. Basta encontrar o que mais combina com você e abusar da combinação de blazer com calças, vestidos, saias e shorts para montar looks mais elegantes. Os acessórios também podem ajudar na tarefa: aposte em bolsas, sapatos (principalmente os de salto alto) e bijuterias poderosas e que complementem o visual.

Para ficar despojada, monte looks informais que são, por natureza, mais desarrumados. Ainda assim, é possível estar bem vestida com visuais despretensiosos, caso aposte em peças que a valorizem e a deixem à vontade. Ainda tem dúvidas? “Jeans e camisa branca, não tem erro!”.

Imagem: reprodução da internet e rasteira Denamour da Chara Rial

Imagem: reprodução da internet e rasteira Denamour da Chara Rial

Para ficar romântica, a maneira mais simples é montar produções românticas, delicadas e apostar em vestidos e saias. Além disso, a escolha de estampas discretas e cores pastel também é uma boa pedida. Para estar bem vestida com esse visual, opte por peças de comprimentos e modelagens que combinem com você e que valorizem o seu tipo de corpo.

Imagem: reprodução da internet e sandália de salto médio, Yves, da Chara Rial

Imagem: reprodução da internet e sandália de salto médio, Yves, da Chara Rial

Agora, para se apresentar bem em todas essas situações e gastar pouco você tem que fugir das marcas caras ou da alta costura. Invista em peças coringa, que sejam fáceis de combinar e possam ser usadas em várias ocasiões. Você não precisa ter infinitas variações, só precisa de algumas peças-chave que vão salvar qualquer ocasião surpresa que possa aparecer. Uma blusa coringa, um vestido, uma calça….Além disso, se a peça chave for de boa qualidade e modelagem correta, as chances de funcionar bem são ainda maiores, qualquer que seja a ocasião.

Imagem: reprodução da internet

Imagem: reprodução da internet

Anúncios

POUCOS SEGREDOS

Estar sempre bem vestida não exige um closet lotado com roupas e sapatos de marcas famosas. Não se preocupe com etiquetas, mas apenas com elegância e qualidade. Uma boa peça fala por si mesma.

Para vestir-se bem siga apenas seu gosto pessoal, conheça seu corpo, saiba o que a valoriza e lhe faz ficar poderosa – um sentimento que aumenta sua boa aparência.

Não se submeta à ditadura da moda, mas também não se apresente como uma figura exótica, a não ser que isso faça parte de seu perfil.

Imagem: a inspiradora Coco Chanel // Reprodução da internet.

Imagem: a inspiradora Coco Chanel // Reprodução da internet.

Para garantir sua elegância há alguns poucos cuidados que você deve ter para estar bem vestida. Use a numeração correta porque caimento é muito importante e ele só é impecável com peças do tamanho certo; veja se as peças ressaltam o que você mais gosta em você e lembre-se que elas devem estar harmonizadas com sua personalidade. Aposte em cortes e tecidos de qualidade porque influenciam muito no caimento. Respeite o dress code do evento ou do lugar onde você vai e só use o que lhe der conforto para se sentir segura.

De todos esses conselhos, o mais importante é o dress code, porque um dos grandes segredos da roupa é o contexto porque ela sempre tem que estar adequada ao ambiente e à ocasião. Regras sempre podem ser quebradas, mas é preciso muito cuidado para escolher o melhor momento e ambiente.

Vestir-se é simples, basta ter um guarda-roupa eficiente com 70% de peças básicas, aquelas que não mudam conforme os humores da moda e podem facilmente ser atualizadas por meio de combinações e acessórios. Faça muitas combinações. Tenha ⅓ de peças para a parte de baixo do corpo e ⅔ para a parte de cima. Só deixe de fora os sapatos porque são puro fetiche e podem alcançar quantidades ilimitadas segundo o desejo maior ou menor de cada mulher..

Cara leitora, ao vestir-se pense em você, em sua essência, em sua personalidade. Sua indumentária tem influencia na sua maneira de agir e sua maneira de agir se reflete na sua aparência. Para terminar, deixamos um conselho: “desligue o piloto automático e só tome decisões conscientes”.

ACABANDO COM A TORMENTA

Por mais despojada que você seja, vestir-se é sempre uma fonte de preocupação. No mundo moderno a cobrança da sociedade é muito grande, até para os homens, e todos somos julgados pelo carregamos sobre o corpo.

Não há um só momento de trégua. Até para ir na padaria você tem que se arrumar. Não somos mais o que somos, mas o que parecemos ser e o tempo de rebeldia já passou porque a cultura está profundamente internalizada em todos os segmentos, em todos os extratos sociais. Melhor então que, dentro dos limites de sua personalidade, você assuma as imposições sociais de uma forma tranquila, impedindo que uma rotina irreversível se torne um problema permanente para sua vida.

Imagem: reprodução da internet

Imagem: reprodução da internet

Pense que organizar suas roupas e planejar sua forma de vestir é uma tarefa extremamente agradável que pode ser realizada em seus momentos de lazer, ajudando a curar estresses. Afinal, é muito bom exercitar a criatividade para ser admirada.

O que incomoda na “hora do que vestir” é a pressa e a pressão que geram dúvidas porque você faz tudo sem análisar e testar – e por mais elegante que você fique, a insegurança vai estar sempre presente.

Nossa proposta nesta coluna semanal é ajudá-la nesse planejamento com algumas dicas práticas colhidas com estilistas e todas as muitas fontes onde haja material que possa contribuir. Nosso blog é para todas mulheres, para todos os corpos com as mais diversas formas. Beleza é harmonia. Harmonia de corpo, mente e personalidade. Um belo sorriso, um olhar expressivo, pode atrair muito mais do que curvas e fazer de faltas e excessos razões de interesse.

Nenhuma mulher tem justificativa para não se arrumar e valorizar o que tem para mostrar, sem estresses, com planejamento e um pouco de nossa ajuda todas as semanas.